Escolha uma Página

Dispenso as borboletas na barriga e um coração pulsando pra fora do peito… Quero o coração tranquilo e sereno.Cansei das paixões, das noites de insônia, do travesseiro borrado de maquiagem, da espera frenética por quem sempre chega atrasado. Cansei de me dobrar em mil, de caber no bolso, ou na estante de alguém.
Cansei mesmo dos sonhos de borboleta, de achar que vai existir um jardim perfeito. Cansei das paixões que sempre vieram como furacões bagunçando a minha vida e deixando eu arrumar o estrago sozinha. Quero um amor, um só. Um amor pra dividir os sonhos comigo, pra plantar juntos um lindo jardim, pra enfrentar qualquer metamorfose, sabendo que ao abrir os olhos estará ao meu lado, sabendo que quer ficar. Quero um homem de verdade que me chame de sua. Alguém que não invente mil histórias pra não me assumir, alguém que não invente mil histórias pra sumir. Alguém que me queira de verdade na sua vida, que abra a porta da sua vida e me convide a entrar.
Quero sorrir por amor, ao invés de chorar.Quero um jardim de milhares de sorrisos. Quero abraço apertado, beijo demorado, cheiro na pele… Dispenso até o romantismo das cartinhas e declarações, pode ser desajeitado amor, mas me venha real. Me venha de corpo e alma. Cansei de amores pela metade. Cansei de ser inteira demais pra pouco compartimento. Que eu caiba em ti, que eu seja do tamanho do teu sonho, do tamanho exato daquilo que tu sempre quis.E que me aceite impura como eu sou, com minha mania de escrever e sentir o mundo, com minha mania de fazer tudo mais colorido do que é.
Quero um amor que encaixe e nunca mais solte. Chega de paixões, chega de sonhar acordada. Vem sonhar comigo.

>